28 de março de 2015

Picanha no sal grosso


Isso nem é uma receita gente, mas é tão boa, mas tãaaaaaaaaaao boa e tãaaao fácil que eu resolvi mostrar para vocês!
Já virou prato clássico da família e é muito simples, se eu fosse você faria agora mesmo, vamos lá?


Picanha no sal grosso

Picanha, peça inteira
Sal grosso, o quanto baste

Só?
Só!
(Se você quiser misturar ervas no sal fica um luxo, já fiz com alecrim, tomilho e orégano #ficaadica)

Como fazer?


Geralmente, 1 kg de sal grosso é o suficiente para uma peça de picanha, mas depende da forma usada. Não use forma grande demais e nem pequena demais. Use mais ou menos do tamanho da peça de carne, para o sal se acomodar bem nas laterais. Eu gosto de forrar bem a forma com papel alumínio (faço isso praticamente em todos os assados) para deixar tudo mais lindo, leia-se: menos uma forma para lavar.
Por cima do papel alumínio faça uma camada uniforme de sal, nem fina e nem grossa, apenas o suficiente para cobrir bem o fundo. Coloque a peça de carne inteira, com a gordura virada para cima. Cubra com o restante do sal até parecer um iglu. Leve para assar em forno alto.
O tempo vai variar, para ficar como na foto, ao ponto, que é como gostamos, ficou 1 hora no forno. Adapte ao seu gosto.
Tire do forno, retire todo o sal, deixe descansar 15 minutos e então fatie.
DELÍIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIICIA!!!!!!!

Ah, eu já fiz com maminha também, ficou mara! :)

23 de março de 2015

Cheesecake fake de mirtilo e limão


Eu nem ia postar essa receita, mas pediram... não vou negar né?
Difícil foi lembrar tudo o que usei hahahahha
Nem é uma cheesecake de verdade, o creme não ficou firme e sim cremooooso, lembrando um zabaione. Mas ficou divino!


Cheesecake fake de mirtilo e limão, de potinho
(rende duas porções)

Base:
6 castanhas do Pará
1/2 xícara de Nesfit (era o que tinha hahahhaha)
1 colher (chá) de açúcar

Gotas de água até dar o ponto

Creme:
1 ovo (use orgânico, já que será utilizado cru)
3 colheres (sopa) de açúcar
1/4 colher (chá) de pasta de baunilha
1/4 de xícara de cream cheese

Cobertura:
1/4 xícara de mirtilos (usei congelados)
1 colher (sopa) açúcar
1/2 colher (sopa) suco de limão
Raspas da casca de meio limão
5 colheres (sopa) de água


Como fazer?
Base: processe os ingredientes e vá pingando água até formar uma massa não muito compacta, mais como areia molhada. Divida a massa em dois copos e pressione formando a passe.
Creme: bata as claras em neve e reserve. Bata a gema com o açúcar na batedeira até ficar um creme claro e fofo. Acrescente o cream cheese e a pasta de baunilha e bata mais um pouco. Desligue a batedeira e incorpore as claras em neve delicadamente. Divida entre os copos, cubra com papel filme e leve a geladeira por algumas horas, ou de um dia para o outro.
Cobertura: misture tudo e leve ao fogo baixo. Deixe cozinhar até ficar uma caldinha linda. Deixe esfriar e cubra os potinhos, leve para gelar mais um pouquinho e sirva. :)

Boa semana geeente ^^



17 de março de 2015

Hambúrguer caseiro de frango e bacon


Dia desses eu estava planejando o menu para o #dia13, mas houveram vários imprevistos.
Eu só tinha peito de frango na geladeira, criatividade 0, cansaço 1000, e eis que o marido vira pra mim e sugere hambúrguer. Atiçou minhas lombrigas, uma vez que eu AMO hambúrguer caseiro.
Eu já havia preparado hambúrguer de frango, mas achei que precisava de um tchan a mais, então coloquei um elemento gordo para ficar mais úmido e saboroso: BACON!
Sério, frango com bacon é tipo pão com ovo, feitos um para o outro!
Aqui vai a receita do hambúrguer e do 'complemento', caso você esteja inspirado, recomendo fortemente esse pãozinho aqui, ai é só festa!

Vamos lá?


Hambúrguer de frango e bacon da Máh
(rende 4 porções)

150g bacon magro, sem a pele, cortado em pedaços
500g de peito de frango em pedaços
1 cebola grande
Sal, pimenta moída na hora, orégano e páprica picante a gosto

Sugestão para finalizar:
1 cebola cortada em meia-lua fininhas
200g shimeji limpo
1 colher (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de shoyu
3 colheres (sopa) de água
1 pitada de açúcar
1 pitada de sal

Como fazer?

Para o hambúrguer: processe a cebola e o bacon até ficar moído, mas não deixe virar pasta. Acrescente o frango e os temperos e vá pulsando até moer e ficar homogêneo. Fica 'pedaçudo'.
(Se você não tiver processador, pode fazer picando à mão, dá um tiquinho mais de trabalho, mas vale MUITO a pena.)
Molde grelhe na frigideira antiaderente ou no grill, não use fogo muito alto, já que é frango e tem que ficar muito bem cozido. Cubra com queijo e o refogado de cebola e cogumelos.
Para o refogado: Aqueça o azeite, junte a cebola e o açúcar e refogue bem até dourar. Junte o shoyu, a água e os cogumelos. Deixe cozinhar até quase secar. Sirva sobre o hambúrguer.

#ficaadica: minha mente gorda já está programando fazer essa delicinha novamente, mas ao invés do refogado de cebola e cogumelo, vou servir com uma rodela de abacaxi grelhada. Nhaaaaami!!!!


Duas receitas na semana, tô de parabéns heim?!
Até a próxima ;*

16 de março de 2015

Amanteigados


Havia tempos que queria preparar amanteigados.
Ai um belo dia ganhei um pote de doce de leite e sabia que ele rechearia lindamente uns biscoitinhos, daqueles que derretem na boca sabe?
Inventei essa massa básica que dá pra fazer de diversos modos. Você pode saborizar a massa ainda crua (cacau, canela, baunilha, cardamomo, etc) ou passá-los depois de assados no açúcar de confeiteiro puro ou com especiarias. Vale o que a criatividade (e a fome) mandarem.
Fazer esses biscoitinhos foi delicioso, me remeteu à cenas que quero viver no futuro, eu, velhinha preparando biscoitos para meus netos levarem para a escola... viajei muito? <3


Amanteigados da Máh

2 xicaras farinha de trigo
1/2 xícara de polvilho doce
200g manteiga sem sal, fria (nem gelada nem temperatura ambiente)
1/2 xícara de açúcar refinado
1 gema
1 pitada de sal
Farinha para polvilhar

Como fazer?

Misture todos os ingredientes (usei o processador, mas pode fazer na mão) até a massa desgrudar das mãos, caso necessite, use mais farinha. Deixe descansar alguns minutos na geladeira e então modele como desejar. Pode usar cortadores (enfarinhe a bancada) ou molde cilindros, enrole com papel filme e deixe no congelador por alguns instantes. Corte rodelas e leve para assar em forno médio-baixo até dourar.
Se desejar, recheie como desejar. Eu fui de doce de leite <3

Beijocas e boa semana! :)

14 de março de 2015

Sorvete de limão siciliano, limoncello e papoula


Pois é, mais um sorvete.
Ah gente, vão perdoando, mas é que eu aaaaamo sorvete, amo limão... eu sei que já tem sorvete de limão aqui no blog, mas esse é diferente e tem algo a mais!
Absurdamente delicioso *-*


Sorvete de limão siciliano, limoncello e papoula
(receita minha)

1 xícara de suco de limão siciliano
1 xícara de açúcar
2 xícaras de leite gelado
2 xícaras de creme de leite fresco, gelado

1/4 xícara de limoncello
raspas da casca de 3 limões sicilianos
1 pitada de sal
1 colher (chá) pasta de baunilha
1 e 1/2 colehr (chá) de semente de papoula

Como fazer?

Em um bowl grande, dissolvi o açúcar no suco de limão, acrescentei o leite e o creme de leite e bati bem com o fuet, até começão a engrossar. Misturei o restante dos ingredientes até ficar homogêneo e levei a sorveteira (a mistura já estava gelada) conforme o fabricante.


Beijocas!

2 de março de 2015

Pimenta Preta na Mídia

Oiiii genteee!
Passei rapidinho só pra contar para vocês que apareci num jornal aqui de Brasília! Legal né?
Não achei a matéria em PDF, mas vai uma foto para vocês verem :)
A receita que eu fiz foi da Torta cremosa de calabresa e batata, que já rolou aqui no blog!
A matéria ficou muito bacana! :)


*depois coloco uma imagem melhorzinha por aqui :P


Beijocas!

Aussie Bread - O pão australiano


Sabe aquele pãozinho do Outback? Aquele que vem quentinho, com uma manteiga delicinha para passar e enlouquecer? 
Vamos preparar em casa?
Isso mesmo, agora além das costelinhas com molho barbecue e das cinnamon apples, você também pode fazer o pão! Rá!
Gente, não é a receita oficial do pão, mas ficou beeem parecido e delicioso! Então é a receita oficial do Pimenta Preta! :D


Pão australiano (fake) da Máh
(rende 4 pães médios)

1/2 xícara de açúcar
1 xícara de água morna
10g (1 envelope) de fermento biológico seco
1 xícara de farinha de trigo integral
Farinha de trigo branca até dar o ponto (aproximadamente 3 xícaras)
1/4 xícara de manteiga em temperatura ambiente
2 colheres (chá) sal
1 colher (sopa) de cacau em pó
Fubá para polvilhar


Como fiz?

Misturei em um bowl grande o açúcar, a água e o fermento e reservei por 10 minutos, até espumar.
Acrescentei a farinha integral, 1 xícara de farinha branca, o sal, cacau e a manteiga e mexi muito, muito, muito bem com uma colher de pau. Mexi muito mesmo, até começar a criar bolhas grandes. Fui acrescentando farinha branca aos poucos, e quando a massar ficou grossa para trabalhar com a colher, enfarinhei uma superfície e trabalhei a massa até desgrudar das mãos.
Nessa hora cuidado para não colocar farinha demais e o pão ficar seco.
Untei uma bacia com manteiga, coloquei a massa e deixei descansar em local morno por pelo menos 1 hora.
Amassei a massa novamente, modelei os pães, rolei-os no fubá e coloquei na assadeira untada e polvilhada com o fubá.
Deixei crescer em local morno mais 1 hora (ou até dobrar de tamanho) e assei em forno médio por mais ou menos 30 minutos, até dourar.

Coma quentinho com manteiga *---------------------------------*
Oooou, faça uns canapés luxo como esses, com creamcheese, salmão defumado, picles e dill!  Ah, e uma taçinha de espumante! #acaradariqueza


Boa semana queridos!